(11) 3225-0723

Atendemos todo o território nacional

voce-esta-tendo-gastos-ou-solucoes-com-manutencao

Você está tendo gastos ou soluções com seu contrato de manutenção?

A crise financeira decorrente nos últimos tempos, fez muitas empresas repensarem sobre a forma de administrar os seus custos internos, onde as consequências são quase sempre as mesmas:

· Demissão e remanejamento de funcionários;
· Redução nos benefícios dos funcionários ativos;
· Cortes internos dos mais diversos e variados;
· Renegociação com os fornecedores;
· Fechamento de unidades;
· Renegociação com bancos;
· Ajustes nos valores cobrados pelos serviços oferecidos ao cliente;
· Almoxarifes desesperados com as prateleiras pela metade;
· Clientes cada vez mais exigentes.

Entre outras decisões quase sempre muito difíceis de serem implantadas.

Se é o caso da sua empresa, saiba que não são os únicos neste enorme desafio de se manter operante no mercado,  e principalmente com as contas em dia, sem entrar em endividamentos, principalmente sem perder clientes e negócios. Nesta desafiadora arte de gerenciamento nos custos operacionais, muitos gestores administradores acabam se expondo e correndo altos riscos, quando decidem pelo serviço de manutenção mais barato, esquecendo de um conceito muito importante que é justamente a qualidade agregada nos serviços prestados.

Aquela famosa frase “é impossível fazer milagres” serve como um sinal de alerta para o gestor que opta sempre pelo prestador de serviços com o menor preço, visto que a qualidade tem o seu custo agregado, isso é fato!

Os riscos podem ser a curto ou a longo prazo, expondo a empresa a perdas irreparáveis, vamos refletir juntos?

· Curto na malha elétrica da unidade;
· Incêndio;
· Inundação;
· Perda de sinal de internet;
· Queda de uma cobertura;
· Acidente de trabalho com um funcionário;
· Queima de um equipamento importante;
· Queda de objetos com risco de acidente humano;
· Acidentes com a queda de pessoas circulantes na unidade;
· E principalmente a interrupção no atendimento e/ou serviço, o que pode ser classificado como o menor dos problemas agora, onde exemplos, não faltam.

Os executivos têm agora um grau de elevada responsabilidade e comprometimento sobre a infraestrutura da unidade de negócios, cabendo policiar e refletir sempre:

  1. Quem foi chamado para atender o pedido de manutenção era um profissional qualificado?
  2. O prestador tinha um engenheiro responsável?
  3. O serviço de manutenção foi realizado com qualidade?
  4. Você tem conhecimento técnico para validar o serviço realizado?
  5. A solução do problema envolveu materiais de qualidade?
  6. A prestação do serviço de manutenção tem garantia?
  7. Recebeu a nota fiscal?

Lembre-se!
Quem selecionou e aprovou o orçamento, torna-se responsável pelo serviço realizado. Podemos finalizar este assunto com perguntas bem simples, e certamente difíceis de serem respondidas:

  1. Quanto custa a sua marca hoje no mercado?
  2. Quanto custa um dia parado da sua unidade de negócios?
  3. Quanto custa uma vida?
  4. Você gostaria de ver o seu nome e da sua empresa negativamente nas mídias?     

 

Inscreva-se em nossa newsletter!

Fique por dentro das novidades e receba nosso conteúdo exclusivo.

    Eraldo Gonçalves de Carvalho

    Eraldo Gonçalves de Carvalho

    Gestor em Serviços de Saúde

    Gostou? Compartilhe!
    Share on facebook
    Share on linkedin
    Share on pinterest
    Share on whatsapp
    Rolar para cima